Ministério da Agricultura divulga resultado do Programa Nacional de Controle de Resíduos e Contaminantes da Área Vegetal

bananas-sartori

 

As culturas de arroz, banana, batata, manga e soja estão totalmente em conformidade no uso de agroquímicos em lavouras. Foi o resultado do Programa Nacional de Controle de Resíduos e Contaminantes da Área Vegetal (PNCRC/Vegetal), divulgado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), referente ao ano-safra 2014/2015.

O Programa Nacional de Controle de Resíduos e Contaminantes da Área Vegetal é uma das ações desenvolvidas pelo MAPA, com intuito de incentivar e fiscalizar a adoção de boas práticas agrícolas para reduzir o uso de agroquímicos nas lavouras. As análises são feitas em unidades da Rede nacional de laboratórios Agropecuários ou credenciados, usando métodos analíticos validados de acordo com os parâmetros estabelecidos pela Coordenação-Geral de Laboratórios Agropecuários do MAPA. Os limites máximos de resíduos de agroquímicos aceitáveis, por produto de origem vegetal, constam de monografias da Agência Nacional de Vigilância Sanitária, a Anvisa.

Mas nem todos produtos passaram nos testes de aprovação. O morango, pimentão e a pera tiveram os menores índices de conformidade, já que, segundo Fábio Florêncio, diretor do Departamento de Inspeção de Produtos de Origem Vegetal do MAPA, foram detectadas substâncias de agroquímicos não permitidas para essas culturas, mesmo que tenha sido autorizada em outra. Além disso, foram verificados, em alguns casos, valores de agroquímicos acima dos limites máximos de resíduos tolerados para a cultura. Outras culturas analisadas foram abacaxi, alho, amêndoa de cacau, alface, amendoim, beterraba, café, castanha do Brasil, castanha de caju, cebola, cenoura, feijão, kiwi, laranja, maçã, mamão, milho, morango, pera, pimenta do reino, pimentão, tomate, trigo e uva.

Fernandes ressalta que o MAPA trabalha para impedir casos que apresentam parâmetros inadequados, como por exemplo, facilitando o registro de produtos agroquímicos para pequenas culturas, dessa forma o governo quer acabar com problema de mau uso de agroquímicos.

Fonte: http: www.agricultura.gov.br

Hiram Sartori

Hiram Sartori é Doutor em Engenharia Civil, área de Hidráulica e Saneamento, e ênfase em Resíduos Sólidos, pelo Departamento de Hidráulica e Saneamento da USP(1998), Mestre em Saneamento, Meio Ambiente e Recursos Hídricos pela Universidade Federal de Minas Gerais (1995), Graduado em Engenharia Civil pela Escola de Engenharia da UFMG (1984). Tem experiência em Engenharia Civil, atuando com ênfase em Saneamento e Meio Ambiente, principalmente nas áreas de gestão e gerenciamento de resíduos sólidos, capacitação e treinamento em gerenciamento de resíduos sólidos, administração universitária.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: